Skip to content

Montar disco remoto com SSH

Fala ae de novo…

Essa aqui é nova, pelo menos pra mim…. =)

Descrição do Problema:

Na UFPR onde eu estudo, o departamento de informática junto do C3SL disponibiliza aos alunos uma conta nos seus servidores Linux. O espaço é mais ou menos bacana (200 MB), dá pra fazer trabalho tudo lá… E, eles também disponibilizam um SSH pra gente, e um VNC pra quem for mais “espertinho” e souber configurar =)

Essa é a parte boa. A parte ruim: Só podemos utilizar ferramentas que já estão lá.
Por exemplo: se o usuário se conectar por SSH, ele terá o vim ou emacs para editar código… Claro que ele pode, se tiver um bom espaço, instalar o Eclipse ou outra IDE bacana para desenvolvimento e roda-la graficamente com -X. Bom, alguém já tentou abrir o eclipse com a opção -X do ssh? Demora muito!

Solução 2: VNC Server

Também é possível utilizar o VNC server. Não vou explicar agora como é que se faz, mas tem um linkzinho de como utilizar o VNC server no departamento de estatística (?!?) da UFPR.
VNC é uma solução bacana, mas você, caro leitor, já experimentou ter um VNC 1280×700 com o skype aberto? É terrivelmente lento! E, pelo menos na minha opinião, não existe boas ferramentas gráficas para desenvolvimento nos Labs da UFPR, a não ser que você goste de desenvolver softwares utilizando o Gedit. =)

Solução bacana: SSHFS

Essa é a solução mais bacana que eu encontrei.
Acho que todo mundo já precisou transferir arquivos em servidores SSH utilizando scp certo? Bem, se você consegue ter os arquivos desta forma, porque não monta-los direto na sua partição? É muito legal para fazer trabalhos, e muito fácil e rápido de desenvolver/testar código….. Agora, mãos na massa!

Instalando pacotes

No Debian,isto é muito simples.
Em outras distros (mandriva por exemplo), um pacote similar é o shfs


apt-get install sshfs

Montando a partição

Para montar a partição, basta usar o seguinte comando (é necessário ser usuário root)

sshfs USER_NAME@talisker.c3sl.ufpr.br:/home/bcc/USER_NAME /mnt/UFPR -o allow_other

aonde:
USER_NAME -> seu usuário
talisker.c3sl.ufpr.br -> Servidor de SSH
/home/bcc/USER_NAME -> diretório remoto a ser montado
/mnt/UFPR -> aonde o diretório remoto será montado (localmente)
allow_other -> Todos os usuários da máquina podem ter acesso.

E agora, para testar:


danilo@casa:~$ ls /mnt/UFPR
archc.conf dclp03-gfm03 liballoc.tar.gz mail MICO-v11-acz03_dclp03.tar.gz phyton
arquitetura Desktop links_py.txt Mail nsmail

Agora é possível utilizar o Anjuta ou qualquer outra IDE de desenvolvimento, sem precisar ficar transferindo arquivos, ou abrir uma seção do VNC….
Para eventuais dúvidas, estou aqui!

[]s
Danilo

Algumas pessoas podem ter problemas com não existir o arquivo /dev/fuse, para isso executem o comando
mknod -m 666 /dev/fuse c 10 229.

Links úteis:

5 Comments

  1. Tá faltando um post falando sobre o Ubuntu hein!? :)

    Posted on 24-Sep-06 at 11:53 pm | Permalink
  2. Antes de mais nada gostaria de dizer que gosto de desenvolver usando o vi ou o vim [se for em UTF-8 e precisar escrever em cirílico :)]
    Cara, para “resolver” o problema de rodar aplicação gráfica via ssh, pode fazer um ‘ssh -C’ que compacta os pacotes e funciona razoavelmente bem. Vale lembrar que esse -C também serve no sshfs [já que o ele faz é criar um túnel ssh para a máquina destino e conectar pelo sftp]. Acho que vale a pena.
    Abraço rapaz

    Posted on 12-Oct-06 at 5:18 pm | Permalink
  3. Hehehehe…. Tenho trauma do Vi Russo… =)

    Interessante o -C no ssh -X, mas ainda acho o compatilhamento de X um gasto muito grande de banda. Mas nada que um benchmark não resolva, mas estes são outros quinhentos..

    Agora, o interessante é o -C no sshfs mesmo. Achei q tudo já passasse compactado. =)
    Vou testar aqui e coloco no fonte original… =)

    []’s

    Danilo Cesar

    Posted on 13-Oct-06 at 4:22 am | Permalink
  4. Samuel

    OI.
    Sou um estudante da Universidade de Coimbra (Portugal) do departamento de electrotecnia e tenho pouco conhecimento nesta área. Tentei montar a partição sshfs como no exemplo que deste, mas após a sua execução aparece a seguinte mensagem: “fuse: failed to execute fusermount: Permission denied”.
    Sabes se há alguma solução para este caso?

    Obrigado

    Posted on 13-Feb-10 at 7:25 pm | Permalink
  5. Muito bom este seu tuto!!!

    Posted on 14-Mar-10 at 3:32 pm | Permalink

2 Trackbacks/Pingbacks

  1. […] muito tempo atrás fiz um POST aqui explicando sobre como montar uma partição por SSH. Depois deste tempo, descobri algumas coisas a mais. A minha motivação foi que ao tentar montar a […]

  2. […] http://www.danilocesar.com/blog/2006/06/09/montar-disco-remoto-com-ssh/ […]

Post a Comment

Your email is never published nor shared. Required fields are marked *
*
*